Número de créditos: 4

Carga horária: 60

Ementa:
Esta disciplina trata do currículo numa perspectiva processual, analisando os fundamentos históricos, metodológicos e epistemológicos. Analisa as políticas curriculares e seus desdobramentos no espaço escolar, trata das questões inerentes a formação e ao trabalho do professor.

Objetivos:
Dialogar com autores do campo do currículo na perspectiva crítica
Apresentar aspectos históricos da educação brasileira
Discutir o trabalho docente e suas implicações no campo do currículo

Bibliografia:
APPLE, M. W. Educação, identidade e batatas fritas baratas. In: APPLE, M. W. Política cultural e educação. São Paulo: Cortez Ed. p. 25-52

BARRETO, R. G. Tecnologias nas salas de aula. In: FILÉ, V.; LEITE, M. (orgs.). Subjetividade: tecnologias e escolas. RJ: DP&A, p.43-56, 2002.

CUNHA, Luiz Antonio. Ensino superior e Universidade no Brasil. In: LOPES, E. M. T.; FARIA-FILHO, L. M.; VEIGA, C. G. (0rg.). 500 anos de educação no Brasil. Belo Horizonte: Autêntica, 2000, p. 151-203.

FERNANDES, Maria José da Silva. As reformas educacionais, as escolas e os professores. In: FERNANDES, Maria José da Silva. Entre a cultura escolar e a dos reformadores: interpretando a coordenação pedagógica e os professores da escola estadual paulista. 2008, 288 f. Tese (Doutorado em Educação Escolar) Faculdade de Ciências e Letras. Universidade Estadual Paulista, Araraquara.

FREITAS, L. C. Eliminação adiada: o ocaso das classes populares no interior da escola e a ocultação da (má) qualidade do ensino. Educação e Sociedade, vol28, n.100-Especial, p.965-987, out. 2007.

HYPÓLITO, Álvaro Moreira; VIEIRA, Jarbas S. e PIZZI, Laura C. V. Reestruturação curricular e auto-intensificação do trabalho docente. Currículo sem Fronteira, v. 9, n.2, p.100-112, Julho/Dezembro 2009.

JULIA, D. A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira de História da Educação, n.1, 2001, p.9-43.

MOREIRA, A. F. e CANDAU, V. M. Currículo, conhecimento e cultura. Beauchamp et al. Indagações sobre o currículo. Brasília: MEC, 2007. p. 17- 44. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/Ensfund/indag3.pdf

KENSKI, V. O que são tecnologias e por que elas são essenciais. In: KENSKI, V. Educação e tecnologias: o novo timo da informação. Campinas, SP: Papirus, 2007, p.15-26.

MELLO, A. F. de. A educação superior perante os desafios do novo século: elementos para uma reflexão. In: MELLO, A. F. de. Globalização, sociedade do conhecimento e educação superior. Brasília: Editora UNB. 2011.p.25-50.

OLIVEIRA, Dalila Andrade. Os trabalhadores da educação e a construção política da profissão docente no Brasil. In: Educar em Revista, Curitiba, n. especial 1, p. 17-35, UFPR, 2010.

SAVIANI, Dermeval. História das idéias pedagógicas no Brasil. Campinas: Autores Associados. 2007.

Áreas de pesquisa:
Educação