Maíra Valencise Gregolin

Atualmente, conduz pós-doutorado pelo Centro Universitário Moura Lacerda com o projeto “O uso dos ferramentas digitais no contexto educacional: afinal, quem é esse novo leitor das telas táteis e interativas?”, conduzido numa primeira etapa intervenções junto a crianças com diagnóstico de autismo em escola regular no processo das Políticas Públicas de Inclusão. Já em uma segunda etapa, sua pesquisa tem se voltado para a formação do professor no contexto do uso das ferramentas digitais em ambientes formais e não formais de educação. Mestre e Doutora em Artes Visuais pela UNICAMP com ênfase na interface entre a educação e comunicação. Nos últimos 10 anos, aperfeiçoou seus conhecimentos teóricos com atuação profissional na pesquisa e desenvolvimento de recursos digitais, tais como os jogos, para as multiplataformas junto à desenvolvedora de games iMAX Games. Ao longo de suas pesquisas, vem enfocando o uso das ferramentas digitais no contexto educacional, envolvendo uma postura que valoriza a diversidade e ações que favoreçam o desenvolvimento humano. Na medida em que vem compreendendo melhor as problemáticas dos campos que vem sido nomeados como educomunicação e mídia educação, seu foco na atualidade recai quanto à necessidade de se investir na formações docente significativa e na produção de conteúdos adequados e seguros aos alunos. Os estudos culturais, uma escola do pensamento científico que permeia suas reflexões, tem se destacado pela ênfase no estudo do impacto cultural das tecnologias e dos meios de comunicação nas sociedades. Fez pós-doutorado pelo Departamento de Física, Programa de Pós Graduação em Ensino de Ciências da UFSCar-SP, abarcando as novas formas de ensinar por meio de jogos digitais, tais como Angry Birds e Minecraft. Sua experiência como docente inclui: Graduação em Design Digital/UNIARA; Pós Graduação em Comunicação Digital do SENAC/Ribeirão Preto-SP e Pós Graduação em Linguagens Midiáticas da Barão de Mauá- Ribeirão Preto-SP, Mestrado em Educação no Centro Universitário Moura Lacerda/Ribeirão Preto-SP. (Texto informado pelo autor)